RCCA – Rotary Alvorada recebe premiações no Seminário da Fundação Rotária.

John T. Osterlund – Gerente Geral da Fundação Rotária do Rotary Internacional Confere a premiação ao Rotary Club Campinas Alvorada em reconhecimento  ao apoio dos associados de seu clube ao Fundo Anual referente ao ano 2013-14  como  um dos Três Clubes com Maior Contribuição Anual Per Capita no distrito, Clube com 100% de Contribuintes Especiais da Fundação Rotária e ainda o prêmio  por se tornar Clube “Todos os Rotariano, Todos os Anos”.

Queremos parabenizar com imensa gratidão a todos os associados de seu clube por suas generosas contribuições á Fundação Rotária.

Todo o apoio permite sanar necessidades em suas próprias comunidades.

Parabéns a todos os membros do RCCA.

FullSizeRender (1)

Premiação ao Rotary Alvorada Campinas

 

cpa

ONG vai restaurar mata para ter água no Cantareira

rotary-club-campinas-alvorada-distrito-45903.png

ONG vai restaurar mata para ter água no Cantareira.

 Proteção da Mata poderia ter evitado a crise hídrica.

Projeto de restauração florestal da Mata Atlântica prevê o plantio de 1 milhão de espécies florestais nativas na área dos reservatórios do Sistema Cantareira para conservar e proteger os recursos hídricos da região onde estão situadas as barragens que abastecem as regiões de Campinas e Grande São Paulo.

Segundo Fundação SOS Mata Atlântica, a região do Cantareira perdeu, nos últimos 30 anos, cerca de 80% de sua vegetação nativa no período, mesmo com os mananciais tendo proteção legal. Atualmente restam apenas 21,5% da cobertura original na bacia hidrográfica e nos 2.270 quilômetros quadrados onde estão as seis represas. Segundo a fundação, a proteção das florestas nativas da Mata Atlântica poderia ter evitado, ou amenizado, a crise hídrica que se estabeleceu no sistema.

Segundo a fundação ainda, o percentual de vegetação remanescente está abaixo do ideal para uma bacia hidrográfica produtora de água e também da totalidade necessária de áreas protegidas (incluindo Áreas de Preservação Permanente (APP), topos de morros e encostas e reserva legal previstos na legislação.

O que restou de Mata Atlântica na área do Sistema Cantareira

Município                   % de Mata Atlântica
Camanducaia              19,6
Extrema                        15,2
Itapeva                          7,9
Sapucaí Mirim            42
Bragança Paulista      3,2
Caieiras                         50,2
Franco da Rocha        40,8
Joanópolis                   18,8
Mairiporã                     36,6
Nazaré Paulista         24,7
Piracaia                        17,7
Vargem                          17,9

 11/11/2014 – 05h00 – Atualizado em 10/11/2014 – 18h28 | Maria Teresa Costa
teresa@rac.com.br

Fonte: SOS Mata AtLântica

logo-juntos-internacional-e-alvorada1.png

Insight Rotário

slide12.jpg

 

 

Insight Rotário:

Você sabia que?  

  • As Bolsas Educacionais da Fundação Rotária são o maior programa privado de outorga de bolsas do mundo.
  • A Fundação Rotária já contribuiu mais de US$2,3 bilhões em subsídios desde 1947.
  • Os rotarianos criaram grande número de organizações dedicadas a várias causas humanitárias, entre elas: “Shelter Box”, “Hunger Plus” e “Gift of Life”.

O Alvorada apoia estas causas e tem doado “Shelter Box” para atender aos desabrigados das enchentes.

A “Shelter Box” é entregue com produtos de necessidades básicas para as famílias desabrigadas.

No programa “Gift of Life” tem doada uma cama de UTI infantil móvel; esta doação foi feita em parceria com o Rotary Club de Hamilton Washington Sunrise de New Jersey, em 1997.

O Gift of Life tem atendido crianças sem recursos e com problemas cardíacos. Realiza cirurgias em vários hospitais, pelo mundo, e sem ônus para os pais das crianças.

  • O fato de ter providenciado vitamina A por ocasião dos Dias Nacionais de Imunização ajudou a prevenir, conforme estimativas, a morte de cerca de 1,5 milhão de crianças desde 1998, e que é isso que o “Plus” do nome Pólio Plus significa.
  • Representantes do RI colaboram com muitas organizações internacionais, inclusive com a ONU e várias de suas agências, a Organização dos Estados Americanos, o Conselho Europeu e a União Africana.

campinas-alvorada-e-internacional-logotipo-rotary_alta.jpg

Projeto Leitura na Praça – Distrito 4590.

Projeto Leitura na Praça – Parcerias:

cropped-rotary-club-campinas-alvorada-distrito-4590.png Logo Tigrinhos Comunidade Logo Tigrinhos Fundo Transparente Logo Golden Tigers JPEG Slide1

Logo_Brasinha-01Fundação Educar“Leitura na Praça” é um projeto distrital e todos os 45 municípios rotários, o realizam. Esse é um projeto do Distrito 4590 que foi realizado por Rotary Club Campinas Alvorada em parceria com TCEES – Tigrinhos Comunidade, Educando Educadores Sociais, Escola Tigrinhos, Escola Golden Tigers e Instituições Sociais. O objetivo desse projeto é o de promover o acesso e o incentivo à leitura em bairros afastados do centro e desprovido de estímulos culturais. A ideia é possibilitar num espaço amplo, em praças públicas, um lugar onde as crianças, adolescentes e até adultos possam explorar os livros, ouvir histórias, e escolher títulos para levar para casa, podendo até trocar com alguns livros já lidos e em bom estado. A meta é ter em cada uma das praças um grupo de educadores sociais voluntariamente que vão promover a contação de histórias, pinturas faciais e desenhos livres, entre outros estímulos. Este lindo projeto teve sua primeira edição em 2012, e agora se repete com uma grande diferença: foi realizado em três praças ao mesmo tempo.

Estes livros são de eventos organizados pelas instituições acima citadas, doados por inúmeras pessoas em feira do livro, pizza solidária e gincanas escolares (Colégio Lyon CampinasEscola Brasinha). Também contamos com a rica doação de livros da Fundação Educar Dpaschoal, através da Carolina da liderança jovem do Rotary – de 18 a 30 anos que prontamente nos atendeu.

Os títulos foram os mais variados possíveis, conseguindo agradar a todos os gostos. Em média foi levado para cada praça 600 exemplares entre livros de literatura infantil e gibis.

A primeira edição desse projeto aconteceu em 2012, e dessa veio com uma super novidade: foi realizado simultaneamente em três praças de Campinas: nos bairros Campo Grande, Padre Anchieta e São Marcos. Contamos com doação de livros, contação de histórias, pinturas faciais, entrega de pipoca  e algodão doce e espaço para desenho livre.

Esta foi uma experiência única e emocionante, principalmente pela importância do livro infantil na educação das crianças e adolescentes na qual erguemos a bandeira da introdução desse recurso como fonte de inspiração e de direcionamento nos conteúdos disciplinares, tanto na educação infantil quanto no ensino fundamental.

Tivemos a visita de muitas pessoas: crianças com os pais, irmãos, tios, tias, avós. Adultos passando e parando para escolher um livro para os filhos; adolescentes lendo gibis em grupos, senhoras explorando os livros… Não importa quem eram e o que estavam fazendo, o mais importante foi ver o que os livros ainda conseguem causar nas pessoas: admiração, interesse, curiosidade, diversão, fraternidade, entre outros lindos sentimentos.

Várias foram às cenas marcantes: crianças entusiasmadas escolhendo seus livros, ou melhor, não conseguindo decidir entre uma ou outra história (e sendo aconselhada a levar as duas), meninas e meninos admirados durante a leitura das histórias, um público animado e interagindo muito, a participação de voluntários e de crianças presentes, rostos pintados e alegres, pipoca e algodão doce para todos os lados, árvores cheia de livros, dando muitos frutos para os leitores, diversas crianças exercendo sua criatividade nos desenhos e pinturas nas mesas, exemplo de cidadania presente em inúmeras outras situações.

Experiência extremamente valiosa e que deveria ser vivenciada por todos os profissionais da educação.

Caso queiram saber mais detalhes ou ficar por dentro dos próximos eventos, acesse:

Weblog TCEES

http://tigrinhoscomunidade.wordpress.com

Weblog RCCA

http://rotaryclubcampinasalvorada.wordpress.com

Site Danieli Grandin Barbosa – Professora

http://www.oprazerdeeducar.com.br/#!Leitura-na-Praça/c21z7/4703CA03-0E1B-4CB2-A5BE-5A3AC500B8ED

Todos serão muito bem vindos!

Para finalizar, gostaríamos de fazer um agradecimento especial as instituições e educadores parceiros no projeto, Centro Assistencial Vedruna, Fundação Irmã Maria Ruth de Camargo Sampaio (FIRMACASA), Fundação Gerações (Creche Adélia Zorning), União Cristã Feminina, SPES – Serviço de Promoção Social da Paróquia São Paulo Apóstolo e Casa Maria de Nazaré/Casa dos Anjos.

Ainda um agradecimento especial a todos os participantes envolvidos direta ou indiretamente no projeto.

Texto de Danieli Grandin Barbosa (Professora e Voluntária no projeto Leitura na Praça)

Adaptação de Jamir Rodrigo Franchim (Pedagogo TCEES Tigrinhos Comunidade)

Galeria de Imagens:

Praça Jardim São Marcos – Região dos Amarais

DSC03677 DSC03681 DSC03689 IMG_3092 IMG_3096 IMG_3098 IMG_3105 IMG_3106 IMG_3108 Leitura na Praça 22 page

Praça Vila Padre Anchieta

IMG_1220 IMG_1232 IMG_1255 IMG_20141019_101308474_HDR IMG_20141019_101619878 IMG_20141019_104611396_HDR IMG_20141019_104801614_HDR IMG_20141019_104953795 IMG_20141019_105301727 IMG_20141019_105636703_HDR page

Praça – Região Campo Grande

20141019_095522 20141019_095609 20141019_095818 LEITURA 1 LEITURA 2 LEITURA 4 LEITURA 5 LEITURA 9 LEITURA 10 LEITURA 13 page

logo-juntos-internacional-e-alvorada.png

Sociedade Paul Harris (PHS)

lg_phsSociedade Paul Harris (PHS)PHSpin

Paul Percy Harris (Racine, Wisconsin, 19 de abril de 1868Chicago, Illinois 27 de janeiro de 1947) foi um advogado estadunidense, fundador do primeiro Rotary Club e primeiro presidente do Rotary International

Por definição, membros da PHS são os indivíduos que se comprometeram a fazer contribuições de US$ 1.000 ou mais todo cada ano para o Fundo Anual, Pólio Plus ou subsídios aprovados (em doação única ou cumulativa).

Sugerimos aos distritos que peçam aos interessados em participar da PHS que firmem um compromisso por escrito de fazer tais contribuições (não com a ideia de caráter vinculativo, mas com o intuito de formalização). A partir de então, que se oferte aos companheiros o certificado possivelmente em uma ocasião especial, que possa reconhecer devidamente o companheiro e incentivar novas adesões à sociedade.  Nós também pedimos, por gentileza, que nos mantenham informados sobre aqueles que assumam esse compromisso com a Fundação no seu distrito – inclusive para que possamos inserir em nosso sistema quem são para que sejam assim identificados e reconhecidos.

slide11.jpg

Visita do Governador Sr. Henrique Póvoa e Participação Curso TCEES – O Papel do Educador Social

 

rotary-club-campinas-alvorada-distrito-45902.png

O Papel do Educador Social

No sábado 11/10/14 a TCEES – Tigrinhos Comunidade realizou mais um curso para formação dos educadores sociais. A temática da vez foi o verdadeiro papel do educador social e sua área de atuação.

A palestra foi ministrada por nossos grandes amigos e parceiros Perry Krassner (Diretor da TCEES) Selma Giorgetti.

Esse primeiro encontro abordamos e realizamos uma discussão sobre Educação Formal, Informal e Não Formal, para identificarmos a área de atuação do educador social, seguido de uma vivência metodológica de Abraham Maslow (1 de Abril de 1908, Nova Iorque8 de Junho de 1970,Califórnia) foi um psicólogo americano, conhecido pela proposta hierarquia de necessidades.

Veja também: Texto Maslow e as necessidades humanas.

Abraham Maslow Pirâmede de Maslow

Ainda neste dia contamos com a visita Ilustre do Governador o Sr. Henrique Póvoa e sua esposa Maria Bege que foram convidados e motivados a participar de uma recepção Maslowneana e entender um pouco mais da proposta de trabalho da TCEES.

Galeria de Imagens:

P1240853P1240856P1240852 P1240862 P1240868 P1240870 P1240877 P1240879 P1240885 P1240887

 

Mais um projeto de Parceria Rotary Alvorada Campinas e TCEES – Tigrinhos Comunidade. Educando Educadores Sociaisslide12.jpg

 

Logo Tigrinhos Comunidade

Mídia destaca atuação do Rotary no combate à pólio.

Campinas Alvorada - Logotipo Rotary_alta

Caros Amigos:

Nos últimos dois meses, recebemos uma grande cobertura da mídia por nossa atuação no combate à paralisia infantil. Estão de parabéns o Rotary International, as Comissões Nacionais Pólio Plus e todos os apoiadores da causa!

 Destaques: 

The Battle to Eradicate Polio in Pakistan

TIME

29 de julho

A entrevista do presidente da Comissão Pólio Plus do Paquistão, Aziz Memon, foi centrada no trabalho do Rotary no país.

 

World Looks Anxiously To Pakistan, Afghanistan And Nigeria To Eradicate Polio

Forbes

21 de julho

Presidentes das Comissões Nacionais dos três países endêmicos (Paquistão, Afeganistão e Nigéria) participaram de uma entrevista ao vivo on-line para falar sobre os trabalhos de erradicação em suas nações.

 

The long fight against polio

Bild der Wissenschaft

Julho

O artigo desta revista alemã, com mais de 500.000 leitores, identifica o Rotary como um dos principais combatentes da doença.

 

Nigeria Hopes to Eradicate Polio Despite Insurgency

Reuters

15 de julho

Tunji Funsho, presidente da Comissão Pólio Plus da Nigéria, fala dos avanços do país para se livrar da paralisia infantil.

 

Interview with Angelique Kidjo

South Africa Broadcast Corporation (SABC)

24 de julho

SABC entrevistou a cantora Angelique Kidjo, embaixadora da nossa campanha Falta Só Isto. Ela fez um apelo às africanas para apoiarem as vacinações e falou sobre o sucesso do Maior Comercial do Mundo.

 

Despite Insecurity, Polio Drops 85% in Nigeria

Voice of America

21 de julho

A história é baseada numa entrevista radiofônica com o vice-presidente da Comissão Pólio Plus da Nigéria, Kazeem Mustapha. É dado destaque às novas estratégias de segurança no país.

 

New polio fears amid barriers to global eradication

Reuters TV

30 de junho

Um dos nossos embaixadores da campanha Falta Só Isto, o sobrevivente da pólio Itzhak Perlman, fala a favor da erradicação da doença.

 

War on polio: A call to African mothers

Al-Jazeera

24 de junho

Mais uma vez uma entrevista com Angelique Kidjo. Para a Al-Jazeera, a cantora do Benin escreveu artigo pedindo às mães africanas que levassem seus filhos para serem vacinados.

 

Atenciosamente,

John Hewko,

Secretário-geral

Rotary International

slide1.jpg

O desafio iminente da sustentabilidade.

desafio sustentabilidade 3O fato de numerosos municípios brasileiros não terem erradicado os lixões até 2 de Agosto último, descumprindo o prazo estabelecido pela Lei 12.305, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos, deixa em aberto um grande desafio ambiental. É muito importante acelerar o processo para recuperar esse atraso, considerando o significado da medida para a qualidade da vida.

Além disso, verificam-se avanços significativos nos serviços de limpeza pública e coleta, que precisam ser devidamente acompanhados na ponta da deposição final. Um exemplo dessa melhoria observou-se por ocasião da Copa do Mundo. Em todo o País, estima-se que foram geradas 15 mil toneladas adicionais de resíduos sólidos urbanos, incluindo o total inerente ao turismo, estádios e Fan Fests nas cidades-sede.

Felizmente, essa grande demanda extraordinária foi atendida com eficácia, como se observa em alguns casos pontuais. As partidas realizadas na arena Mané Garrincha, no Distrito Federal, resultaram em mais de 43 toneladas. As cidades em que se estima maior geração total são Brasília (1.827,66 toneladas), São Paulo (1.681,20), Rio de Janeiro (1.616,63) e Fortaleza (1.467,16).

desafio sustentabilidade 2A Vila Madalena, bairro da capital paulista que apresenta concentração de milhares de pessoas, incluindo torcedores estrangeiros, nos dias de jogo foi recoberta de resíduos após as partidas. Porém, os serviços de limpeza e coleta restabeleceram com agilidade a sua limpeza. Este caso específico de São Paulo é emblemático, pois na cidade já não existem lixões. Todo o rejeito tem sua disposição final em aterros sanitários, como define a Política Nacional de Resíduos Sólidos.

O município aprovou no início de 2014 seu Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, que se encontra em execução e tem total aderência à Lei Federal de Saneamento Básico e às políticas nacionais da área; Mudanças do Clima; e Educação Ambiental. Dentre as medidas previstas, destacam-se: construção de aterros sanitários, estações de transbordo e ecopontos; expansão da coleta seletiva e de estações de triagem; e projetos-pilotos de compostagem doméstica.

Avanços tecnológicos disponibilizados pelas empresas concessionárias dos serviços de limpeza e coleta alinham a cidade ao que há de mais moderno. Incluem-se nisso equipamentos como uma estação de transbordo que opera à pressão negativa, garantindo o total tratamento do ar que vai para o entorno, e projetos-pilotos de coleta mecanizada subterrânea e de superfície, com os mesmos equipamentos utilizados em Barcelona, na Espanha. Recentemente, inaugurou-se a primeira Central Mecanizada de Triagem, que traz ao País a mais avançada tecnologia hoje disponível (alemã, francesa e espanhola) para otimizar a reciclagem.

desafio sustentabilidade 1É preciso disseminar esses avanços por todo o Brasil e agilizar a erradicação dos lixões, recuperando-se o tempo perdido. Tais providências garantirão um grande avanço na área ambiental e melhoria das condições da vida nos centros urbanos. No tocante aos resíduos sólidos, já vencemos alguns desafios, mas precisamos recuperar o tempo perdido com o descumprimento do que estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos.

* Ariovaldo Caodaglio é cientista social, biólogo e presidente do Sindicato das Empresas de Limpeza Urbana no Estado de São Paulo (SELUR).

* Publicado originalmente no site Eco21.

Sustentabilidade X Desafios:

desafio sustentabilidade 4 desafio_sustentabilidade

slide1.jpg

OS GRUPOS DE COMPANHEIRISMO

OS GRUPOS DE COMPANHEIRISMO

companheirismo

 O que são?

 São Grupos formados por rotarianos, seus cônjuges e rotaractianos que:

  • Têm interesse recreativo em comum, seja um hobby, esporte, etc.
  • Promovem o auto desenvolvimento profissional por meio de contatos com colegas de sua área de trabalho
  • Fazem amigos no mundointeiro
  • Exploram novasoportunidades de servir
  • Divertem-se e aproveitam ao máximo sua experiência no Rotary

 Alguns Benefícios:

  • Oferecem aos rotarianos oportunidades de formar amizades com pessoas de outro clube, distrito e país
  • Contribuem à promoção da paz e compreensão mundial
  • São um atrativo a mais para novos sócios de Rotary Clubs, contribuindo também para manter os sócios atuais motivados

 Histórico:

  • Informalmente, os Grupos de Companheirismo tiveram início em 1928, com a reunião de rotarianos interessados em esperanto. Em 1947, foi formado um grupo de aficionados por náutica, que mais tarde veio a ser o Grupo de Companheirismo de Iatismo.
  • O assunto ganhou maior atenção, e por vários anos os grupos operaram sob diferentes títulos, como Atividades de Companheirismo Mundial, Grupos Profissionais para Contatos Internacionais, Grupos Profissionais e Recreativos do Rotary, e finalmente Grupos de Companheirismo.
  • Em 1° de julho de 2008, haviam 66 Grupos de Companheirismo.

 Estrutura:

  • O conselho diretor do RI aprova cada grupo, os quais operam independentemente do Rotary e têm normas, recolhimento de taxas e administração próprias
  • A associação é aberta a rotarianos, seus cônjuges e rotarianos
  • Cada grupo deve ter membros de pelo menos três países
  • Cada grupo elege no mínimo três encarregados para cuidar de sua administração
  • Os grupos facilitam a troca de ideias entre seus membros e mantêm comunicação regular com o Rotary Internacional

 Exemplos de Grupos de Companheirismo:

  • Motociclistas;
  • Iatismo;
  • Mergulhadores;
  • Tenistas;
  • Enólogos;
  • Cinefilistas;
  • etc…

 Os Grupos de Companheirismo na Convenção Internacional e nas Conferências Distritais:

  • Junho é o Mês dos Grupos de Companheirismo;
  • Os grupos aproveitam a convenção e as conferências para realizar reuniões e atividades com os membros presentes ao evento;
  • Os estandes dos grupos enriquecem o Centro de Confraternização da convenção e das conferências, local excelente para planejar atividades futuras, celebrar conquistas e recrutar novos membros.

 Como se Associar:

o   Manual dos Grupos de Companheirismo (729-PT)

o   E-flyer dos Grupos de Companheirismo

o   PowerPoint dos Grupos de Companheirismo

o   Diretório da Rede Global de Grupos de Rotarianos

o   Global Networking Groups Application Form (para criação de grupo da Rede Global de Grupos de Rotarianos)

Participe do fórum de discussão em http://forums.rotary.org/.

Extraído e compilado do site Brazil Office

 slide1.jpg

URGENTE, voluntários – cadastro para doação de medula

slide11.jpg

doe

 

                                             Assista:    https://www.youtube.com/watch?v=zm1rTSIQPAQ

 Apelo de uma família.

Existe um garoto em tratamento no Centro Boldrini há 02 anos, e apesar de todos os esforços se faz necessário o transplante de medula óssea.

​O jovem  Lucas de Campos Andrade Mazzoni Guimarães tem apenas 17 anos , é morador de Campinas, e nenhum de seus parentes é doador compatível.
É preciso um número de 100.000 voluntários para encontrarmos apenas 01 doador compatível, e é por este motivo que estamos recorrendo a redes sociais , instituições policiais, empresas,  entidades sociais, etc…

Aos meus amigos da rede, peço desculpas por estar ausente há tanto tempo do Facebook, mas a vida nos prega desafios que às vezes o dia à dia torna-se pequeno com só 24 horas. Estou hoje recorrendo a todos para fazer um pedido e também dar uma explicação do motivo desse pedido.
Nunca comentei, com muitas pessoas, a luta que meu filho trava desde 2012 contra a LEUCEMIA.
Aqui abro um parênteses para declarar o orgulho que sinto por ele ser guerreiro, afinal o tratamento, para quem não sabe ou não conhece como é…. devem , ao menos, imaginar como são difíceis as etapas dessa busca pela cura.
Agora chegou a hora do pedido:
Ele vai precisar de Transplante de Medula Óssea e ainda não temos uma compatível.
Deixo aqui um pedido e um desafio aos amigos, que sei e tenho fé, que me ajudarão nessa luta. AS CHANCES DE ACHAR UMA MEDULA COMPATÍVEL É 1 EM CADA 100.000. ENTÃO MEUS AMIGOS, ME AJUDEM A CONSEGUIR 100.000 DOADORES.
ISSO É BEM SIMPLES, BASTA PROCURAR QUALQUER HEMOCENTRO, DIZER QUE QUER SE CADASTRAR COMO DOADOR VOLUNTÁRIO DE MEDULA ÓSSEA E TIRAR 5 ML DE SANGUE. É MUITO SIMPLES!!!
COMPARTILHEM, ME AJUDEM, SEJAM DOADORES.
ESSA É A ÚNICA DOAÇÃO QUE VOCÊ PODE FAZER EM VIDA.
SEI QUE NÃO TENHO 100.000 AMIGOS, MAS COM A AJUDA DOS AMIGOS DOS AMIGOS, TALVEZ ALCANÇAREMOS A META DOS 100.000.
DESDE JÁ AGRADEÇO A AJUDA.UM ABRAÇO A TODOS
O DESAFIO É DIFÍCIL, MAS NADA É IMPOSSÍVEL PARA QUEM TEM AMIGOS COMO VOCÊS.
Compartilhar

Obrigada
Cidinha – Unicamp
F. 3237 4826 / 99115 3757

{2DCEDAEC-8D0D-3B4D-757A-88754DCD75EE}

 

 

doacao-medula-ossea